fbpx

Gestão de negócios com Strategic Force – 5 forças de Porter

Gestão de negócios com Strategic Force – 5 forças de Porter

Gestão de negócios com Strategic Force - 5 forças de Porter

gestão de negócios busca sempre os melhores resultados para a organização por meio de métodos eficientes que aceleram o crescimento da empresa no mercado. Gestão de negócios com Strategic Force – 5 forças de Porter.

No entanto, esses resultados são influenciados pelo controle de diversos fatores. Michael Porter, professor de Harvard, percebeu cinco grandes forças que influenciam uma estratégia organizacional eficiente.  

Quer saber quais são? Continue lendo esse artigo para descobrir! 

O que é Strategic Force? 

Em 1979, com a publicação do artigo “As cinco forças competitivas que moldam a estratégia”, Porter, docente da Harvard Business Review, apresentou ao mundo o conceito de Strategic Force. 

Trata-se de uma análise de competitividade entre empresas, considerando alguns fatores que impactam no crescimento da organização no mercado. Entre eles a rivalidade e o poder de negociação com fornecedores. 

Seguindo esses critérios é possível projetar a rentabilidade potencial da empresa no mercado, bem como traçar uma estratégia empresarial eficiente. 

Veja a seguir a representação clássica de Strategic Force, metodologia muito importante na gestão de negócios. 

Quais são as 5 forças de Porter na gestão de negócios? 

Porter criou um modelo único para determinar as condições de crescimento da empresa no mercado. Confira quais são esses fatores: 

Força 1 – Rivalidade entre concorrentes 

A primeira força que você precisa analisar é o tamanho da concorrência no seu mercado.  

Afinal, ela influencia diretamente na margem de lucro que uma empresa pode ter. Quem está à frente da gestão de negócios sabe que, quando há muitos empreendimentos no mesmo segmento, a tendência é a redução dos preços para atrair mais clientes. Consequentemente, a diminuição da lucratividade esperada de uma empresa. 

Nesse sentido, realize um processo de benchmarking bem feito, analisando os produtos, serviços e estratégias dos seus maiores concorrentes.  

Inclua na rotina de sua gestão de negócios, comparar pontos fortes e fracos de seus produtos em relação aos da concorrência. 

Força 2 – Ameaça de entrada de novos concorrentes 

Qual é a barreira para uma empresa adentrar no seu mercado? 

Por exemplo, um novo banco enfrenta uma barreira de entrada enorme para se estabelecer no mercado devido ao grande investimento que esse segmento demanda. 

Via de regra, com uma barreira de entrada grande, você consegue uma margem de lucro maior. Porter enumerou como as principais barreiras de entrada para um negócio:  

  • Economias de escala: segmentos em que você precisa investir em grande quantidade de mercadoria para acompanhar seus competidores;  
  • Diferenciação do produto: setores que oferecem produtos/serviços com valor percebido alto – como roupas de grife, por exemplo; 
    muito diferenciados demandam alto investimento para fidelizar os clientes. Por exemplo, cervejaria. 
  • Requisitos de capital: áreas que precisam de muito recurso financeiro para funcionar;  
  • Acesso aos canais de distribuição: segmentos onde as empresas já estabelecidas possuem controle sobre os canais de distribuição. Na verdade, o e-commerce vem driblando essa barreira.  
  • Política governamental: quando o governo limita ou interfere demais no mercado de atuação da empresa. 

 
Força 3 – Produtos substitutos devem estar na pauta da gestão de negócios 

É essencial ficar de olho nos novos produtos que estão surgindo no mercado e que podem substituir o seu, mas com um custo menor ou qualidade melhor.  

São os chamados produtos substitutos. Inovadores, oferecem vantagens similares, mas por processos distintos. 

Existem bons exemplos nesse sentido. Alguns deles são: Uber, Netflix, Spotify – em comum, eles adotam tecnologia inovadora para substituir produtos e serviços disponíveis no mercado. 

Força 4 — Poder de barganha dos consumidores 

Clientes são a alma do negócio e, claro, impactam diretamente nas estratégias.  

Quando há mais demanda por um produto, você tem um poder de barganha maior — e vice-versa. 

Nesse sentido, você precisa analisar o tamanho do seu mercado, bem como a demanda de clientes por aquele serviço

Cabe à gestão de negócios responder às seguintes perguntas para evitar problemas: 

  • Quantos clientes há em sua carteira de clientes e qual o tamanho de seus pedidos? 
  • Se eles deixassem de adquirir meus produtos e serviços seria fácil encontrar um concorrente para substituir minha empresa? 

As respostas mostrarão a força que seus clientes possuem para influenciar sua empresa e produtos

Força 5 – Poder de barganha dos fornecedores 

Seus fornecedores são a última força e precisam ser avaliados pelos responsáveis pela gestão de negócios. 

As perguntas para guiar sua avaliação nesse item são:  

  • Quais e quantos são os fornecedores de sua organização? 
  • Os itens fornecidos por seus parceiros são exclusivos ou fáceis de encontrar? 
  • Quanto custaria aos seus negócios substituir seu fornecedor? 

Quanto maior for a dependência, maior será o risco de pagar valores mais altos a esses parceiros. 

Sua gestão de negócios fica mais fácil com Strategic Force. E com o ERP DEAK também! 

Quantos e quantos negócios fecham por não sobreviver ao avanço do mercado ou crescimento de seus concorrentes? 

O Strategic Force é uma forma de trazer melhorias constantes para a gestão de negócios, mantendo sua empresa competitiva no mercado. Desse modo, além de sobreviver ao tempo, você fica à frente de novas tendências e novidades.  

Com as 5 forças de Porter, você monta uma estratégia eficiente para sua empresa e assim conquista os melhores resultados! 

Mas não basta uma estratégia. Você precisa de uma ferramenta completa que dê uma ampla visão dos seus negócios, controle operacional, acesso a dados confiáveis e atualizados em tempo real e muito mais. 

Essa solução existe: ERP DEAK é completa, automatizando os processos de todos os setores organizacionais, elevando a produtividade, eficiência e economia operacional. 

Integrando e padronizando processos, o ERP DEAK também otimiza a rotina do gestor, deixando mais tempo para lidar com questões estratégicas que impactam o crescimento da organização.  

Conheça essa solução inovadora agora mesmo: solicite uma demonstração do ERP DEAK! 

Compartilhar

Artigos Relacionados

Fale com nossos especialistas e confira os diferenciais da DEAK

Cadastro Positivo

Avalie com precisão o crédito de seus clientes

Planilha de Controle de Estoque

Inscreva-se em nossa newsletter

Cadastre-se e receba conteúdos inéditos sobre Gestão